sexta-feira, 3 de abril de 2009

Saída de Emergência

Não é ficção.

É a mais pura realidade.

O ridículo, a capacidade de tomar o imaginário como real e a delicadeza humana, escondidos no cotidiano, revela-se nesta viagem em que todos - artista e platéia - têm permissão para ser “paspalhos” e desvelar a própria vulnerabilidade.

O palhaço Zambelê é um provocador de sensações, instintos e emoções.

Na tentativa de se parecer com os outros, ser aceito e amado, este sujeito desajeitado e atrapalhado, inábil para realizar as tarefas mais simples, sempre encontra uma saída que nos faz rir de nossas próprias debilidades, da identificação com seus comportamentos inusitados e da constatação do ridículo a que somos capazes de chegar para “ser alguém” na sociedade.

O público não é mero espectador.

Arrebatado pela surpresa, pela ousadia e pela irreverência, é convidado para um passeio do extremo da ingenuidade ao mais ousado dos comportamentos humanos.

“Saída de Emergência” é uma síntese de 13 anos de estudos e experimentações que resultaram num trabalho em que o riso não é fruto do preconceito – ao contrário, nasce dos sentimentos e das emoções geradas pela identificação e pela aceitação.

Para uma platéia adulta, inteligente e capaz de se repensar, o espetáculo é um convite ao exorcismo do “sem sentido” do ridículo que cada um de nós encontra em si mesmo...


Ficha Técnica:
Concepção e atuação: José Regino
Sonoplastia: Pedro Gabriel e João Filho
Iluminação e Cenografia: José Regino
Figurinos: Laura Cavalheiro e José Regino
Operação de som: Pedro Gabriel
Produção: Magê


Obs.: O espetáculo tanto pode ser apresentado em teatros como em lugares alternativos.


Realização:
Celeiro das Antas









Fotos Telmo Ximenes

Contatos:

Para contratar este espetáculo fale com:
celeirodasantas@gmail.com

José Regino: (61) 8137.9938 zeregino@gmail.com
Magê: (61) 3354.1751 – 9988.2399 mage.1@terra.com.br
André Lima: (61) 8180.8080 alalaqui@gmail.com

Nenhum comentário: